Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

http://asmontanhasqueosratosvaoparindo.blogs.sapo.pt

http://asmontanhasqueosratosvaoparindo.blogs.sapo.pt

EIS AS MONTANHAS QUE OS RATOS VÃO PARINDO

por muito pequenos que pareçam ser... NOTA - ESTE BLOG JAMAIS SERVIRÁ CAFÉS! ACABO DE DESCOBRIR QUE OS DOWNLOADS SE PAGAM CAROS...

LUZ E SOMBRA - Décimas dedicadas a todos os poeta "pobres" que se aventuram no ciberespaço

12.04.14 | Maria João Brito de Sousa

 

Aos que pela lei da vida

 

Se vão da vida afastando

 

Mas por cá nos vão deixando

 

Obra digna de ser lida,

 

Partilhada e discutida

 

Que, mais tarde, analisando,

 

Bem se sinta que foi dando,

 

Enquanto seiva absorvida

 

E de novo repartida,

 

Mais do que outros vão roubando,

 

 

 

Deixo o beijo solitário

 

Deste poema sem berço

 

Nascido em leito submerso

 

E este abraço solidário

 

Que não conheceu horário

 

Nem terá sentido inverso

 

Pois nasce enquanto converso

 

E se solta, urgente e vário,

 

Desde o refrão proletário

 

Ao mais rico e controverso

 

 

 

Dos poemas que escrevi,

 

Dos sons que nunca compus,

 

Das telas que já não expus,

 

Do muito que li/não li,

 

Do que aqui ganhei/perdi

 

E de quanto se traduz

 

No contraste “sombra/ luz”

 

Que, por acaso, entendi

 

Dever deixar-vos aqui

 

Quando à escrita me propus.

 

 

 

 

 

Maria João Brito de Sousa – 11.04.2014 – 18.41h