.EIS AS MONTANHAS QUE OS RATOS VÃO PARINDO

por muito pequenos que pareçam ser... NOTA - ESTE BLOG JAMAIS SERVIRÁ CAFÉS! ACABO DE DESCOBRIR QUE OS DOWNLOADS SE PAGAM CAROS...
Sexta-feira, 15 de Junho de 2018

CROCÂNCIAS & TEXTURAS

CROCÂNCIAS E TEXTURAS.jpg

 

CROCÂNCIAS & TEXTURAS



(Em oitavas)



Verificada a crocância

E bem testada a textura,

Dá-se início à cozedura

Que terá muita importância

Por ser parte essencial

De refeição que se preze

(seja pra dois, três, ou treze...)

Do resultado final.



Deixe-se a chama conforme

Mais convenha ao que é cozido;

Baixinha, se fino enchido,

Alta, se este for enorme,

Muito rijo para o dente

E, qual pedra de calçada

Que não quebra nem pisada,

Intragável se apresente.



Depois de finda a cocção,

De empratado e já servido

O que antes fora cozido,

Só falta a opinião

Sobre a crocância, a textura

E o sabor do novo prato,

(seja tofu, soja ou pato...)

Que no palato perdura.



Nas receitas cá de casa,

Já que agora não cozinho

Nem um simples arrozinho

E um belo seitan na brasa,

Não darei tanta importância

Ao rigor da “fazedura”

E, se não ligo à textura,

Menos ligo à tal crocância.



Chef Sónia, são pra si

Estas rimas salteadas

Que aqui lhe sirvo enfeitadas

Com canela e chantilly...

Só não respondo por elas

Em termos nutricionais,

Pois têm ovos a mais

E nem sei se as salmonelas



Não chegaram lá primeiro...

Será melhor que as não coma

E que preserve o seu ´soma`

Pra pitéu menos rafeiro

E bem menos arriscado,

Que este, conforme confesso,

Está virado do avesso

E cru, de tão mal passado...

 

 



Maria João Brito de Sousa – 15.06.2018 – 17.36h

 

 


rematado por Maria João Brito de Sousa às 17:46
link do post | remate | adicionar ao produto final (1)

.OS PORQUÊS...

.pesquisar

 

.Julho 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


.posts recentes

. "CONSUMMATUM EST!"

. NÃO ESTAMOS SÓS? - ENCÉL...

. SE A DUQUESA CRUZA A PERN...

. CROCÂNCIAS & TEXTURAS

. ERA UMA VEZ....

. UMA DÉCIMA A UM PARAFUSO ...

. ABRIL - O TAL VINTE E CIN...

. MEIO MANTO, O DE MARTINHO...

. PESCARIA(S)

. A UM AMIGO QUE GANHOU TRÊ...

.ARMAZÉNS DO FUTURO

. Julho 2018

. Junho 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Dezembro 2014

. Outubro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Maio 2013

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

.tags

. todas as tags

.PROMOÇÕES:

. LEITURAS CIRCULARES DE UM...

. ...MEU TEJO, MEU TEJO...

. Diversidades | Faróis Con...

. ERA UMA VEZ....

. CROCÂNCIAS & TEXTURAS

. QUATRO SONETILHOS A CATAR...

. CIDADE SEM SENTIDO(S) - E...

. Baile da vida

. MOAXAHA IV

. MENTE DESCONTÍNUA

.links

.subscrever feeds