Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

http://asmontanhasqueosratosvaoparindo.blogs.sapo.pt

http://asmontanhasqueosratosvaoparindo.blogs.sapo.pt

EIS AS MONTANHAS QUE OS RATOS VÃO PARINDO

por muito pequenos que pareçam ser... NOTA - ESTE BLOG JAMAIS SERVIRÁ CAFÉS! ACABO DE DESCOBRIR QUE OS DOWNLOADS SE PAGAM CAROS...

AI, SE A LUCIDEZ ME FALHA...

04.05.15 | Maria João Brito de Sousa

big_21575313_0_300-294.jpg

 

“Pobre de mim que sou só,

dentre os mais magra migalha,

se esta lucidez me falha

ao ponto de inspirar dó

quando a rudeza da mó

que espreme, humilha e retalha,

diz, de mim; “peste grisalha...”

e, reduzindo-me a pó

ou chamando-me “totó”,

me aponta e crava a navalha...”

 

Nunca o disse, mas pensei-o!

Mais; senti-o já na pele!

Venha um verso que protele

tão estranho e perverso meio

de mudar bonito em feio

antes que o destino o sele

estando, eu, colada a ele,

mesmo quando, em verso, anseio

tudo quanto não falseio

por mais que, a mim, me atropele...

 

Noite e dia mergulhada

neste mar de mil marés,

resisto em cada convés

de uma barca imaginada

em cujo bojo, selada,

rema a força de quem és

quando em mim, que morro aos pés

do que creio.... e porque nada

pode ter-me ajoelhada

aos presságios de outras fés!

 

 

 

Maria João Brito de Sousa – 04.05.2015 – 15.05h

 

 

 

4 comentários

  • Poeta, infelizmente não é isso o que a História nos tem demonstrado, mas entendo - ou penso entender... - o que quer dizer e sei que assim deveria ser.

    Abraço grande!

    PS - Estou com as teclas muito presas...então o "d" e o botão de espaços, estão uma desgraça...
  • Sem imagem de perfil

    donzilia fenandes

    07.05.15

    É um poema espectacular,
  • Conseguiste, Donzilia! Obrigada e um grande beijinho!
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.