Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

http://asmontanhasqueosratosvaoparindo.blogs.sapo.pt

http://asmontanhasqueosratosvaoparindo.blogs.sapo.pt

EIS AS MONTANHAS QUE OS RATOS VÃO PARINDO

por muito pequenos que pareçam ser... NOTA - ESTE BLOG JAMAIS SERVIRÁ CAFÉS! ACABO DE DESCOBRIR QUE OS DOWNLOADS SE PAGAM CAROS...

NUMA CALÇADA SEM PEDRAS

08.06.10 | Maria João Brito de Sousa

Agora sei que, na estrada,

Choram pedras de calçada

Numa calçada sem pedras…

 

Lágrimas que assim vão escondendo

O sal do mar que em mim prendo

Em marés agora negras.

 

Agora sei e não esqueço

Que é assim que pago o preço

Da sede que me guiava

 

Da sede que em mim crescia

 Quando, ao sol do meio-dia,

Em pedras me transformava.

 

Que loucos, loucos anseios

Brotaram desses passeios,

Das pedras que percorri…

 

Pedras que a mim se prenderam,

As mesmas que me perderam

Quando as lancei sobre ti…

 

Agora sei que, na estrada,

Choram pedras de calçada

Numa calçada sem pedras.

 

 

 

Maria João Brito de Sousa

 

 

 

 

NOTA - A minha primeira letra para um fado

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.