.EIS AS MONTANHAS QUE OS RATOS VÃO PARINDO

por muito pequenos que pareçam ser... NOTA - ESTE BLOG JAMAIS SERVIRÁ CAFÉS! ACABO DE DESCOBRIR QUE OS DOWNLOADS SE PAGAM CAROS...
Sábado, 4 de Junho de 2016

O POETA EM CONSTRUÇÃO

sapata-da-panificadora-kepan_26150.jpg

 

 

 

 

(Décimas)

 

Deixai-o crescer, deixai-o,

que um poeta com talento

faz, do trabalho, argumento

e, como qualquer catraio,

vê crescer, de Maio a Maio,

quantos "ossos" são sustento

do seu "corpo" em crescimento,

tanta vez sem prévio ensaio,

quando a sorte, de soslaio,

lhe dá escória por cimento...

 

Se persiste, há-de crescer!

Sobre os versos que construa

hão-de brilhar Sol e Lua

quando, um dia, alguém o ler,

pois tanto traz pr`a dizer

que não haverá poder

que se oponha a que se instrua

e da força em que se estua

nunca se há-de arrepender!

 

Escava a "cama" da sapata,

bem funda, que a fundação

demanda a força da mão

e a noção mais do que exacta

de que a tua mão contacta

com a mão que amassa o pão

quando assumindo a função

em função de quem contrata

a mão que escava e que acata

o rigor da construção,

 

Mas também à mão que escreve

podes dar a mão, sem medos,

pois também moldam, seus dedos,

do que tem, quanto te deve,

se a estar contigo se atreve

e, pr`a ti, não tem segredos,

nem te envolve em vis enredos

que outras tecem quando, em greve,

tua mão bem alto eleve

seu protesto, os teus degredos!

 

Deixai crescer o poeta,

dai lugar à Poesia,

pois também há mais-valia

numa estrofe quando, erecta,

assuma a força concreta

e não esqueça a teoria!

Jorna a jorna, dia a dia,

exaltada, ou mais discreta,

burila e escava e completa

o que outra mão calaria...

 

 

Maria João Brito de Sousa - 04.06.2016 - 19.16h

 

 


rematado por poetaporkedeusker às 20:53
link do post | remate | adicionar ao produto final
|

.OS PORQUÊS...

.pesquisar

 

.Setembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. GLOSANDO UM MOTE DE RAYMU...

. POETANDO

. SEM SAIR DO MEU LUGAR

. O PRIMEIRO ESPINHO

. CINCO QUEDAS POR MINUTO.....

. POR TER SEDE, FUI À FONTE

. CHUVA DE AGOSTO

. PERPETUUM MOBILE

. COM MEUS VERSOS...

. O "SONHO" AMERICANO

.ARMAZÉNS DO FUTURO

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Dezembro 2014

. Outubro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Maio 2013

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

.tags

. todas as tags

.PROMOÇÕES:

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. É a arte, solidão?

. SO(LAS)

. “A Linha de Cascais Está ...

. CANTIGA PARA QUEM SONHA -...

. Our story in 2 minutes

. «A TAUROMAQUIA É A ÚNICA ...

. Novidades a 13 de Dezembr...

. LIMPAR PORTUGAL

. Ler dos outros... (cróni...

.links

http://www.avspe.eti.br/poesias/MariaJoaoBritodeSousa/Poesias.html http://www.avspe.eti.br/poesias/Sonetilhos.htm

.Remates

.subscrever feeds