.EIS AS MONTANHAS QUE OS RATOS VÃO PARINDO

por muito pequenos que pareçam ser... NOTA - ESTE BLOG JAMAIS SERVIRÁ CAFÉS! ACABO DE DESCOBRIR QUE OS DOWNLOADS SE PAGAM CAROS...
Domingo, 13 de Agosto de 2017

FÁBULA (quase) HUMORÍSTICA

ovelha negra.jpg

 

ODISSEIA DA SEMPITERNA OVELHA NEGRA

------------ FÁBULA EM DÉCIMAS -------------

(com um chavelho partido e alguns órgãos a menos...)



Ou me fizeram à pressa

E fiquei por acabar,

Ou quem me quis melhorar,

Desmontou-me peça a peça

Até chegar à cabeça

Em que nem ousou tocar

Porque, estando em seu lugar,

O melhor será que, a essa,

Nem veja quem me começa,

O resto, a re-programar...





Viva mas já despojada

De alguns órgãos dispensáveis,

Estou entre os mais vulneráveis

Elementos da manada

E, de lã negra trajada,

Entre os menos desejáveis...

Porém, aos menos fiáveis

Não direi nada de nada,

Que ovelha negra, escaldada,

Faz opções quase insondáveis...



Passo pelos companheiros

Que, alegres, me vão saudando;

Nenhum pensa como ou quando...

Estando, por enquanto, inteiros,

Vão por estradas e carreiros...

Vai-os, o dono, enganando

Entretendo e empurrando

Pr`á berma, em despenhadeiros

Onde as copas dos pinheiros

Já mal se vão divisando.



Não sei que papel me cabe

Nesta odisseia final,

Mas sou um velho animal

E bicho vivido sabe

Não prestar quem mais se gabe

De saber quando, afinal,

Pode haver um bicho igual

Que é mais matreiro e se evade...

-Diga-me lá, ó compadre;

Acha que isto acaba mal?



O outro, carneiro velho,

Respondeu que nada achava

E a marchar continuava

Sem dignar-se a dar conselho,

Mas muito ao longe um pardelho

Abrindo as asas, voava...

Que bem que agora calhava

Poder trocar um chavelho

Por asas que fossem espelho

Do que esta alma demandava!



Mas... se chavelhos ostento,

Por que não dar-lhes bom uso?

Já fui vítima de abuso

E se nisto me contento,

Ou apenas me lamento,

Vejo que nada recuso,

Que como qualquer recluso

Aceitei o sofrimento

E lancei a sorte ao vento,

Como ao poço um parafuso!



Se o penso, melhor o faço

E dando forte marrada

No algoz da bicharada,

Projectei-o para o espaço

Para o qual `inda há pedaço

Empurrava a carneirada

Que, agora muito agitada,

De repente freia o passo...

 

-Lá vai o grande madraço!

Nem mais uma chicotada!!!





Maria João Brito de Sousa – 13.08.2017 – 18.38h

 


rematado por poetaporkedeusker às 18:39
link do post | remate | adicionar ao produto final
|

.OS PORQUÊS...

.pesquisar

 

.Setembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. GLOSANDO UM MOTE DE RAYMU...

. POETANDO

. SEM SAIR DO MEU LUGAR

. O PRIMEIRO ESPINHO

. CINCO QUEDAS POR MINUTO.....

. POR TER SEDE, FUI À FONTE

. CHUVA DE AGOSTO

. PERPETUUM MOBILE

. COM MEUS VERSOS...

. O "SONHO" AMERICANO

.ARMAZÉNS DO FUTURO

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Dezembro 2014

. Outubro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Maio 2013

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

.tags

. todas as tags

.PROMOÇÕES:

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. É a arte, solidão?

. SO(LAS)

. “A Linha de Cascais Está ...

. CANTIGA PARA QUEM SONHA -...

. Our story in 2 minutes

. «A TAUROMAQUIA É A ÚNICA ...

. Novidades a 13 de Dezembr...

. LIMPAR PORTUGAL

. Ler dos outros... (cróni...

.links

http://www.avspe.eti.br/poesias/MariaJoaoBritodeSousa/Poesias.html http://www.avspe.eti.br/poesias/Sonetilhos.htm

.Remates

.subscrever feeds