.EIS AS MONTANHAS QUE OS RATOS VÃO PARINDO

por muito pequenos que pareçam ser... NOTA - ESTE BLOG JAMAIS SERVIRÁ CAFÉS! ACABO DE DESCOBRIR QUE OS DOWNLOADS SE PAGAM CAROS...
Sexta-feira, 2 de Julho de 2010

POEMA COM NÓ NA GARGANTA

 

 

Quando o poema desata

Esse nó que o estrangulava,

Desponta com força tal

Que desatina e delata

Tudo o que então sufocava

E há quem possa ficar mal…

 

Por vezes torna-se hostil

Se alguém o tentar prender

Ou, de algum modo, calar,

Mas nunca será tão vil

Que outro tanto vá fazer

Ao que o tentou sufocar.

 

Poema, desata o nó,

Grita essa tua vontade

Como quem já não tem tempo!

Não cales, não tenhas dó

De quem, negando a verdade,

Ousou roubar-te o talento!

 

Fala da velha censura,

Desses dias de temor

Em que, inventando futuros,

Sonhavas ter a ventura

De dar voz à tua dor

E derrubar velhos muros!

 

 

 

Maria João Brito de Sousa

I`m crazy for::

rematado por poetaporkedeusker às 11:29
link do post | remate | adicionar ao produto final
|
2 comentários:
De tardesdeoutono a 3 de Julho de 2010 às 13:31
Ao menos agora já podemos soltar os poemas! Antigamente era complicado.
Uma beijoca
Sustelo


De poetaporkedeusker a 5 de Julho de 2010 às 10:09
Lá isso é verdade, Joaquim! Os poemas, pelo menos, podemos soltar à vontade!
Abraço grande!


proteste

.OS PORQUÊS...

.pesquisar

 

.Setembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. GLOSANDO UM MOTE DE RAYMU...

. POETANDO

. SEM SAIR DO MEU LUGAR

. O PRIMEIRO ESPINHO

. CINCO QUEDAS POR MINUTO.....

. POR TER SEDE, FUI À FONTE

. CHUVA DE AGOSTO

. PERPETUUM MOBILE

. COM MEUS VERSOS...

. O "SONHO" AMERICANO

.ARMAZÉNS DO FUTURO

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Dezembro 2014

. Outubro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Maio 2013

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

.tags

. todas as tags

.PROMOÇÕES:

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. É a arte, solidão?

. SO(LAS)

. “A Linha de Cascais Está ...

. CANTIGA PARA QUEM SONHA -...

. Our story in 2 minutes

. «A TAUROMAQUIA É A ÚNICA ...

. Novidades a 13 de Dezembr...

. LIMPAR PORTUGAL

. Ler dos outros... (cróni...

.links

http://www.avspe.eti.br/poesias/MariaJoaoBritodeSousa/Poesias.html http://www.avspe.eti.br/poesias/Sonetilhos.htm

.Remates

.subscrever feeds