.EIS AS MONTANHAS QUE OS RATOS VÃO PARINDO

por muito pequenos que pareçam ser... NOTA - ESTE BLOG JAMAIS SERVIRÁ CAFÉS! ACABO DE DESCOBRIR QUE OS DOWNLOADS SE PAGAM CAROS...
Segunda-feira, 22 de Novembro de 2010

CRIPTIDENTIDADES

 

 

Sou estranha, já percebeste…

Sou tonta como a criança

Que dá dois passos de dança

E, logo a seguir, te afiança

Que tem um dom que é celeste…

 


Sou esquiva como um felino;

Territorial, ciosa

Dessa coisa misteriosa,

Insondável, preciosa

Que é o seu próprio destino…

 


Sou qual pássaro nocturno

Que não deixa de cantar

Se a noite o quiser calar

Ou se o Inverno chegar

Gelado, irado e soturno…

 


Sou de sonho, fogo e terra

Mas, se me fecho, sou ostra

Que não fala, não se mostra

E, mesmo que dê à costa,

Só morrendo se descerra…

 

 

 


Maria João Brito de Sousa - 20.11.2010 – 16.33h

I`m crazy for::

rematado por poetaporkedeusker às 11:43
link do post | remate | adicionar ao produto final
|
Terça-feira, 16 de Novembro de 2010

ILAÇÕES E OUTRAS BANALIDADES

 

Nunca tirando ilações

De ilações que outros tiraram

Sem que eu soubesse porquê,

Vou tomando as decisões

Que em acções se transformaram

Sempre que um de vós me lê…


Das acções – estes meus gestos

dos rituais de uma escrita –

Nascem sonetos, sextilhas

E toda a espécie de textos

Numa sequência infinita.

Todos eles pequenas ilhas,

Todos eles quais mares sem fundo,

Todos eles sempre girando

Como gira este planeta…

Quantas vezes não confundo

Os versos que vou rimando

Com a cauda de um cometa?


Tanta metáfora vejo

Em tudo aquilo que crio,

Como podeis comprovar,

Que outras coisas não desejo

- e em mais nenhuma me fio… -,

Dessas, banais, que encontrar…

 

 


Maria João Brito de Sousa

I`m crazy for::

rematado por poetaporkedeusker às 15:12
link do post | remate | adicionar ao produto final
|
Segunda-feira, 15 de Novembro de 2010

AI, TANTA DOR!!!!

 

Tanta dor, tanto problema,

Tanta coisa por escrever…

Mas… a mim, quem me condena

Se o não conseguir fazer?


Nas costas tenho uma faca,

Nas pernas, a anestesia

De quem perdeu robustez…

Sinto-me dorida e fraca,

Tão estragada e doentia

Quanto… O Paciente Inglês!


Tanta dor, tanto problema,

Tanta coisa por escrever!

Mas… a mim, quem me condena

Se o não conseguir fazer?


Tenho febre e tenho tosse,

Espirro tanto que parece

Que cheirei o pimenteiro…

Quem me dera que isto fosse

Uma coisa que pudesse

Pôr-me, no bolso, dinheiro!


Tanta dor, tanto problema,

Tanta coisa por escrever!

Mas, a mim… quem me condena

Se o não conseguir fazer?


Mas não! Não é nada disso!

Provavelmente é só gripe

E eu estou a ficar piegas…

[se fosse pão com chouriço

tirava-me o apetite

pr`o jantar de beldroegas…]


Tanta dor, tanto problema,

Tanta coisa por escrever!

Mas… a mim, quem me condena

Se o não conseguir fazer?  :)

 

 


Maria João Brito de Sousa – 14.11.2010 – 20.54h

I`m crazy for::

rematado por poetaporkedeusker às 14:49
link do post | remate | ver remates (6) | adicionar ao produto final
|
Terça-feira, 2 de Novembro de 2010

GUYS... I KNOW KUNG-FU!!!!

 

 

 

Sabes que eu sou assim,

Depressa atendo

Ao que fizeram por mim

[por razões que nunca entendo…]


Mas quando “arreio a giga”

Eu perco a graça;

Já não sei o que te diga,

Já nem sei o que te faça…


Detesto coisas “pimba”

E cor-de-rosa!

Não tenho a vossa “tarimba”

E nem sequer sou vaidosa!


Quem disse à desgraçada

Que haveria

De transformar tanto em nada

Sem perguntar se podia?


E quem te assegurou

Que me agradava

A “moldura” que ela usou

Ou a cor com que a pintava?


Pensas que até “respiro”

À vossa custa…

Qualquer dia dou-te um tiro,

Ficas na posição justa!


É que “arriei a giga”

E… não tens graça!

Já não sei o que te diga,

Já nem sei o que te faça…

 

 

 

 

:) Maria João Brito de Sousa

I`m crazy for::

rematado por poetaporkedeusker às 10:55
link do post | remate | adicionar ao produto final
|

.OS PORQUÊS...

.pesquisar

 

.Setembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
28
29
30


.posts recentes

. SOLIDÃO

. GLOSANDO UM MOTE DE RAYMU...

. POETANDO

. SEM SAIR DO MEU LUGAR

. O PRIMEIRO ESPINHO

. CINCO QUEDAS POR MINUTO.....

. POR TER SEDE, FUI À FONTE

. CHUVA DE AGOSTO

. PERPETUUM MOBILE

. COM MEUS VERSOS...

.ARMAZÉNS DO FUTURO

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Dezembro 2014

. Outubro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Maio 2013

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

.tags

. todas as tags

.PROMOÇÕES:

. CONVERSANDO COM MARIA DA ...

. É a arte, solidão?

. SO(LAS)

. “A Linha de Cascais Está ...

. CANTIGA PARA QUEM SONHA -...

. Our story in 2 minutes

. «A TAUROMAQUIA É A ÚNICA ...

. Novidades a 13 de Dezembr...

. LIMPAR PORTUGAL

. Ler dos outros... (cróni...

.links

http://www.avspe.eti.br/poesias/MariaJoaoBritodeSousa/Poesias.html http://www.avspe.eti.br/poesias/Sonetilhos.htm

.Remates

.subscrever feeds